Terça-feira, 13 de Novembro de 2007
mais parece o muro das lamentações....
 
Dei uma rápida olhadela  nos meus post’s , ainda não são assim tantos, e este blog mais parece o “ muro das lamentações”…
 
Não sei porquê, não é premeditado, não foi planeado, mas vejo que escrevo muito sobre o que vai lá bem no fundo da minha alma, da minha essência. Despejo as minhas memórias de tempos de infância, falo muito sobre afectos passados, presentes e futuros. Uma lamechice pegada…
 
Gostava que este canto fosse mais arejado…mais fútil.
 
A futilidade, para mim e para o meu modo de estar na vida significa despreocupação. Quando compro uma revista do género “caras” é porque tenho a minha cabeça despreocupada e existe espaço para essa futilidade. Quando vou ver montras é porque não tenho nada mais importante para fazer, e existe tempo para essa futilidade.
Assim, quando faço coisas fúteis é porque existe despreocupação e se existe, é porque tudo corre bem…a futilidade afinal até é um bom sinal.
 
Este post é um bom sinal de que tudo corre normalmente bem, senão não seria tão fútil…
sinto-me:
publicado por eueosmeus às 12:26
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Sexta-feira, 9 de Novembro de 2007
indignada...

É como fico quando leio estas notícias: 

 

"Saiu em liberdade o homem de 30 anos acusado de ter abusado sexualmente de uma menina de sete anos de idade...44 meses depois, no passado dia 29, o Tribunal de Porto de Mós condenou J. C., residente em Alcanede, a dois anos de prisão, suspensa pelo período de dois anos. ( Região de Leiria)."

 

Dois anos de prisão?

Saiu em liberdade? pena suspensa?

 

Anda tudo louco ou quê!!!!!

sinto-me:
publicado por eueosmeus às 12:11
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 8 de Novembro de 2007
agora quero o teu tempo...
!!!O Rui entregou a tese, o Rui entregou a tese, o Rui entregou a tese, o Rui entregou a tese, o Rui entregou a tese, o Rui entregou a tese, o Rui entregou a tese, o Rui entregou a tese, o Rui entregou a tese, o Rui entregou a tese, o Rui entregou a tese, o Rui entregou a tese, o Rui entregou a tese, o Rui entregou a tese, o Rui entregou a tese, o Rui entregou a tese, o Rui entregou a tese, o Rui entregou a tese, o Rui entregou a tese, o Rui entregou a tese, o Rui entregou a tese!!!
 
Que me desculpe quem me lê, mas realmente foi uma meta tão desejada por esta família quarteto ( eu, rui, ruca, e o pimpolho  mais novo).
 
Quero transpor o que sinto, o que senti ao longo destes dois anos de mestrado, que não foi meu mas mais parecia….é difícil.
Acho que quem leu o meu post sobre Setembro e a minha história pode mergulhar um pouco nos meus sentimentos.
Parece lógico que quem conhece, por experiência, a vida de estudante, seja mais compreensivo, tolerante…mas aqueles sentimentos. Aqueles que eu também conheço. Voltaram, neste dois anos,  tão acessos, tão assombrosos.
 
Conheço-os tão bem…
 
A sensação “peso na consciência” quando se vê um programa na TV.
O tempo a escapar quando temos tantos anos à frente.
A angustia de não brincar com o nosso filho que nos chama.
O “não” constante aos amigos.
A luz artificial em vez do sol.
A sensação do  “não cumprir” quando nos deitamos estafados.
As férias desejadas que se assombram.
Recusar o amor ao nosso amor.
Não há tempo para amar.
Não há tempo para dar.
Não há tempo para receber.
Não há tempo para sequer para pasmar.
Não há tempo …
Não há tempo…
Não há tempo…
 
Percebe isto quem dá valor, que leva a sério, quem cumpre, que é perseverante…e o Rui é muito.
 
Agora quero ter o teu tempo para mim ...
É tão essencial.
Só existe ele, é o único colo em que me posso aninhar e pedir carinho. Não tenho o de mãe, o de um irmão ou irmã, de uma amiga.
 
E eu que dou tanto colo de mãe, tanto, tanto.
O RUCA não se apercebe. Sente, claro que sente mas não quantifica a amplitude do colo que lhe dou.
O colo, os beijos, os abraços, o “adoro-te meu filho”, “amo-te meu filho” que dou incansavelmente sem escapar um dia, vem 100% de mim, do ser humano que sou hoje.
Não tenho “reservas” guardadas de tempos de criança…nenhumas. Não  tive o amor de mãe e pai desta forma. Tive e sei que tenho, mas de uma forma diferente. Meia destrambelhada, nada ao meu jeito, mas ao jeito deles. Coitados, ainda tiveram pior.
 
Vivências de cada um.
 
Agora que ainda vou ter mais um colo para dar…preciso do teu tempo, preciso de ti. Não me voltes a trazer aqueles sentimentos de volta.
 
Agora só quero coisas boas.
Parabéns meu Mestre...
sinto-me:
publicado por eueosmeus às 11:20
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Sexta-feira, 2 de Novembro de 2007
Arregaça, pum, pum, arregaça...

Para quem tem filhos meninos é um episódio inevitável.

 

Nem eu nem o RUCA, contávamos com aquilo. Acho que só a médica e o pai.

 

Aquela pilinha forçadamente arregaçada parecia…bem…talvez uma ….Ah...não sei o que parecia. Sei que fiquei em estado de choque, eu e o RUCA.

 

Afinal nós os dois, na nossa mente sã de bebé e mãe galinha, lidávamos com aquela pilinha, tão pequenina como um dedo mindinho, com o carinho que lidávamos com qualquer outra parte do corpinho de bebé.

No Chichi do meio da noite era eu que segurava enquanto o RUCA dormia em pé. Tudo uma ternura imensa.

 

Enfim, custou-me bastante este episódio…

 

sinto-me:
publicado por eueosmeus às 10:36
link do post | comentar | favorito
.mais sobre mim
.pesquisar
 
.Agosto 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
25
26
27
28
29
30
31
.posts recentes

. novidades são

. 38

. 8 anos....meu principe

. 4 anos de princesa

. limpeza...

. 2012 - wellcome

. Varicela

. dois tempos....

. este é um assunto que sem...

. Quiquicola

.arquivos

. Agosto 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Janeiro 2011

. Outubro 2010

. Julho 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Junho 2008

. Março 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

.links
blogs SAPO
.subscrever feeds